#day98 – vamos alimentar a alma pfv.

O Rio de Janeiro tem-me trazido muito ao centro de mim. Sair do silêncio da Arrabida para ir para uma cidade tão cheia de estímulos, faz criar uma disciplina muito maior para estar sempre a regressar ao centro. A essa paz que se encontra dentro. Essa paz que se que constrói passo a passo. 

Concretamente no Rio, o mercado de 3fª na General Osório, trouxe-me de volta às compras nos mercados tradicionais. Às compras sem embalagens. Às frutas frescas. Ao prazer de se consumir fora dos supermercados de sempre. Fora dos preços que exploram e fora dos caminhos, agora comuns, mas que espero que em breve, extintos. 

Também se alimenta a alma pelo corpo. Pelo que se ingere. Quando vejo que estou com vontade de comer muita porcaria, olho para dentro. Algo não está bem. Quando a alma canta, o corpo pede saúde, rejeita os transformações, escolhe o fresco. Quando a alma está bem alimentada, nenhum fast food ganha protagonismo. A cozinha organiza-se com as compras dos fracos para a semana, e há sempre tempo para cozinhar e cuidar dos paladares. Quando a alma está cheia de amor, o corpo devolve com sentimentos de bem-estar. Vem vontade para correr ou simplesmente cuidar. O corpo é o espelho da alma. Por isso, há que o alimentar bem. A alma agradece. 

Receita para o café da manhã (na foto):

Yogurt, banana, flocos de cereais integrais, abacate, mel e sementes de chia quase tudo biológico e local ❤️

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s