#day178 – ama-nos quem nos compreende

Amar a fundo leva o seu tempo. O seu espaço. Amar a fundo precisa de um nível de compreensão absurdo. E é essa compreensão que traz respeito às relações. Precisamos que nos compreendam, que nos amem nas pequenas coisas. E não me venham dizer que temos que gerar todo o nosso amor próprio. Os nossos mais-que-tudo também devem ajudar. E é tão bom também receber de quem nos ama. É maravilhoso sermos amados por quem acredita mais em nós que nós mesmos. Que faz questão de nos lembrar diariamente o que somos, para que o nosso brilho não caia na escuridão do mundo. E o mundo precisa de nós. Precisa de seres bem amado, luzidios e esplendorosos. Precisa de tanto amor este mundo. Podemos (e devemos) começar por nós, mas é na troca de amor genuíno que o mundo muda dentro e fora. São as pessoas que passam por nós que nos despertam por dentro. Que agitam as nossas águas para que nos possamos lembrar de quem somos. Temos a tendência para amnésias crónicas e lembranças seletivas. Temos muito pouco de emoção perpétua. Temos muito pouco de fundo. Na verdade, em geral temos pouco de chão. Mas depois, vem alguém que nos compreende e que nos ama mais dentro. E percebemos que todos são espelhos de nós 💕

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s