#day218 – quando a gratidão não cabe dentro, e transborda

Sinto, muitas vezes, que vivo num conto de fadas. Que me deixei dormir num sono profundo e não há nada que me demova do sonho que escolhi para mim. Desta vida que se constrói como se quer, porque se supera e vai para além dos obstáculos. Não, a vida não é fácil. Mas pode ser levada com o rigor dos visionários que sabem para onde vão, com quem e como. E não há nada que não se consiga, desde que a coerência se mantenha. Haja calma e paciência para desacelerar o passo. Mas passo a passo, haja vontade para se viver por inteiro. 

Às vezes a gratidão não me cabe dentro, porque é tanto o que recebo do mundo, que não tenho como não querer dedicar a minha vida ao que amo e a quem amo. A todas as circunstâncias e pessoas que me fazem acreditar que estamos no caminho certo, e ao espelho que se me mostra transparente, feliz e amoroso. E em muitas alturas já não consigo não viver enamorada pelo mundo, num sentimento de amor profundo, que me faz transbordar em lágrimas tudo o que recebo desta vida. A gratidão é uma prática diária que se constrói e fica connosco para sempre, para que nunca nos esqueçamos que o amor não tem limites, e a paz persiste em quem segue pela vida com um sorriso na boca de quem vive a agradecer as pequenas coisas e não desiste de ser quem é. 

Tenho uma dívida de gratidão pelo mundo, pela forma como me trata, e pelas pessoas (ou animais) que me coloca no caminho. Talvez seja esse o privilégio que mais tenho a agradecer. O privilégio de me permitir ser acarinhada por quem me ama. Porque a gratidão é um ciclo fechado de dar e receber. Porque quanto mais se recebe mais se quer dar, e quando mais se dá, mais se recebe de forma inacreditavelmente mágica. 

Quando a gratidão não me cabe dentro, transbordo. E dedico-me ao mundo com tudo o que sou. Hajam vidas e oportunidades suficientes para eu dar de volta e me superar, porque o sucesso vem da humanidade que se constrói dentro e fora, e é a gratidão que alimenta a alma. Haja humildade suficiente para se saber receber com mérito e classe, e nunca nos falará nada nesta vida, para nos dedicarmos ao mundo por inteiro. 

Cabe em mim um exército de enamoramos pelo mundo. 

Cabe em mim um mundo de sonhos para fazer acontecer. 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s